A Villa

História

Sentida a necessidade de dinamizar de modo diferente a Vila de Cesar, um grupo de pessoas jovens e adultas, hoje todas mais "velhas", decidiram unir esforços e encetar numa aventura humana de mudança cultural e lúdica: estávamos no ano de 1997. À distância do acontecimento, hoje volvidos bastantes anos, muitos se hão de recordar da inércia vivida ao nível da cultura, das tradições e da ocupação saudável dos tempos livres, nomeadamente dos jovens. Na Vila de Cesar pairava um certo indiferentismo coletivo e esta falta de iniciativa civil, onde todos pudessem participar sem referências políticas, credos e confissões religiosas, marcava o pulsar da vida dos cesarenses. Para além do desporto promovido pelo Futebol Clube Cesarense, pelos Columbófilos, Grupos Paroquiais e Movimentos, Cesar estava órfão de atividades e impunha-se que se mobilizasse a comunidade em todas as dimensões sociais. A cultura e as tradições de um povo milenar pareciam isoladas e fechadas numa sala onde nada conseguia penetrar; sentia-se uma pressão de forças centrífugas, sem que se ousasse perscrutar o sentido de tal sentido. Porém o insólito aconteceu: as paredes foram deitadas abaixo e as energias de uma outra realidade penetraram na sala. O mundo à nossa volta transfigurou-se e Cesar revelou-se naquilo que sempre foi. O acontecimento cujo nome iria buscar uma história - Villa Cesari – venceu a apatia e indiferença, e aqui e ali, começaram a surgir focos de iniciativas capazes de mobilizar gerações. A melancolia cultural que até então marcava a vida cesarense depressa se diluiu, dando origem a um "Big-Ben" de acontecimentos e eventos dignos de registo:

  1. Em 1997, havia a nível do desporto uma atividade chamada “Sextas Desportivas”, cujo objectivo era ocupar os jovens de forma saudável. Esta actividade, depois de consolidada, veio a tornar-se um dos pilares fundamentais aquando da fundação oficial da Associação Villa Cesari.

  2. Do mesmo modo, mas com uma intervenção diferente, o Grupo de Jovens Shalon, (Grupo de Jovens Católicos) associou-se com o seu dinamismo, e deu corpo a inúmeras iniciativas de caráter cívico e cultural.

  3. Ainda noutro âmbito, um grupo de pessoas mais adultas, neste caso, os membros da Comissão das Festas Grandes de Cesar (em Honra de Nossa Senhora da Graça, São Pedro e Mártir São Sebastião), viriam a formar um grupo cénico, apresentando e representando pequenas récitas teatrais num palco improvisado no pátio da Casa do Cruzeiro. Não podemos deixar de salientar estes diversos espetáculos de teatro, que na altura tinham como objetivo angariar fundos monetários para a construção de salas de catequese e um auditório para atividades culturais, formativas e religiosas. O grupo que se mantinha unido, depois de ter realizado as festas grandes de Cesar, em 1995, dava agora lugar, sob responsabilidade do ensaiador Lindolfo Ribeiro, a dramas e comédias, protagonizando verdadeiros momentos de lazer e boa disposição. De notar que muitos destes elementos já haviam participado em atividades teatrais antes do 25 de Abril.

Foi então a partir destas movimentações que, com alguma consistência, o sonho da aventura de fundar oficialmente uma associação emergiu, após diversos encontros e reuniões. No entanto, foi necessário encontrar o caminho mais correto, para que tal acontecimento representasse a vontade coletiva nas suas individualidades e sensibilidades. No entender de todos aqueles que estiveram na linha da frente da constituição da Villa Cesari, a associação devia penetrar nos mais diversos âmbitos da vida social de Cesar. Da mesma forma que se notava uma transformação cultural, vislumbrava-se também, ainda que de forma muito ténue, movimentos de índole partidária. Isto apesar da convicção de todos os que compunham o grupo, em manterem a imunidade de qualquer ideologia política. De facto, bem depressa começaram a surgir pressões, não faltando quem aludisse a conotações desta índole nas atividades culturais que se vinham a desenvolver. Será importante referir que o aparecimento da associação aconteceu em 1997, ano de eleições autárquicas, e que, por isso, foi complicado mostrar que se sabia distinguir o trigo do joio.

Mesmo assim avançaram! Sem medos e sem constrangimentos de qualquer índole política ou religiosa, a não ser a vontade determinante de dar novo rosto à cultura e à vida cívica em Cesar. Avançaram num projecto que só a adesão da comunidade e a sua durabilidade ao longo dos anos provou que era capaz de concretizar o seu propósito: servir uma comunidade. A temporalidade é realmente o que marca o passado e o presente. O futuro é sempre um tempo subjetivo, porque objetivamente não existe, e nunca nos podemos esquecer que a história permite-nos visualizar os aspectos negativos e positivos de todos aqueles que lançaram mãos ao desafio.

Durante estes anos, a associação foi cativando a atenção da comunidade. Historicamente, podemos de facto aludir que a compreensão dos homens e mulheres dotados de valor acrescentado, venceu preconceitos - religiosos, políticos e sociais – erigindo uma dignidade e clareza, uma conceção originária e objetiva, daquilo que é, atualmente, a Villa Cesari.

Villa Cesari, desde 1998 em movimento constante

Fundação

Com o objectivo de fomentar e dinamizar atividades culturais, desportivas, lúdicas, formativas, sociais, levantamentos etnográficos e manifestações de arte, a fundação da Associação de Cultura e Desporto de Cesar – Villa Cesari, oficialmente no ano de 1998, pretendeu sensibilizar todas as pessoas para a necessidade de mudar o panorama cívico em Cesar.

Na mesma linha de preocupação, a preservação do meio ambiente, sobretudo das fontes, das nascentes de água e espaços verdes, bem como o património cultural de religiosidade popular até ao teatro, foram prioridades para intervenção cívica e social que motivaram os fundadores e a fundação da Villa Cesari.

Orgãos Sociais

Plano de atividades

18ª Prova Atletismo Cesar

Inscreve-te, na Prova Atletismo ou na Caminhada

Abrir site

Atleta Homenageado em 2017

É um privilegio para a Villa Cesari homenagera este grande atleta, na nossa prova de atletismo.

Abrir site